Brian o jovem que encontrou o protótipo do iPhone 4 num bar conta ao público do que realmente aconteceu

ImagemOs produtos da Apple são daqueles casos que causam extrema curiosidade muito tempo antes de saírem para o mercado. A ansiedade e o desespero dos aficionados da marca leva a que muitas vezes se consiga de alguma forma obter nem que seja uma pequena fotografia de um novo produto. A Apple bem tenta manter em segredo os seus produtos até ao último dia, mas ultimamente isso tem sido impossível. Antes do seu lançamento conseguimos conseguimos ter imagens do iPhone 4, o iPhone 4S foi visto uma hora antes da sua apresentação pública, o primeiro iPad viu a luz do dia na net em sites como este, cerca de 7 meses antes do seu lançamento. Até mesmo o iOS 7 teve uma fuga, momentos antes de começar a Keynote de abertura da WWDC 2013 um screenshot do novo iOS 7 já andava a circular pela net. Agora destes todos o que mais tinta fez correr, o mais estranho e problemático foi o caso do iPhone 4. Este caso tem 3 anos e foi protagonizado por um jovem que agora fala abertamente do assunto. A sua história é a seguinte (aqui está a versão original em inglês):

Eu tinha 21 anos e estava num bar com dois amigos e já era bastante tarde. Antes de virmos embora os meus colegas deslocaram-se ao WC. No momento em que eles saíram, um tipo bastante alcoolizado passou por mim pegou num telemóvel que se encontrava pousado em cima de um banco e disse-me “não se esqueça do seu telemóvel”. Logo de seguida eu disse-lhe que aquele telemóvel não era meu e que não sabia quem era o dono. Questionei os presentes se aquilo era de alguém, mas não consegui encontrar o dono. Então esse homem alcoolizado disse-me que eu estava encarregue de encontrar o respectivo proprietário do telemóvel. Então eu e os meus amigos voltamos para casa preocupados em encontrar o dono do aparelho.

No dia seguinte quando acordei apercebi-me que me tinha esquecido por completo do telemóvel encontrado no bar. Lá pequei nele e comecei à procura de alguma informação útil para encontrar o proprietário. Naquele telemóvel muito semelhante a um iPhone reparei que a qualidade de imagem era completamente diferente, a resolução era maior. Que a capa de plástico tinha botões em locais estranhos. Após a capa de protecção retirada verifiquei que tinha um iPhone nas mãos com uma traseira completamente lisa assim como os rebordos e tinha ainda uma câmara frontal. Na traseira do iPhone tinha 2 autocolantes colados com códigos de barras, e no lugar do suposto número de série encontravam-se vários “X”. Fiquei extremamente animado naquele momento mas não tinha noção do que tinha nas mãos.

Para resumir toda a história, eu e o meu amigo Sage chegamos à conclusão de que aquilo era mesmo um produto da Apple. Primeiramente Sage, entrou em contacto com a Apple e deu a conhecer o sucedido e informou que aquele aparelho se encontrava nas nossas mãos, mas foi completamente ignorado. Como a primeira tentativa não funcionou, em troca de dinheiro decidimos entrar em contacto com sites de tecnologia para ver se estavam interessados em ver o aparelho, e apenas a equipa da Gizmodo levou a história a sério. Depois de um encontro eles analisaram e acharam que nas nossas mãos se encontrava um iPhone verdadeiro. Aproximadamente um mês depois a Gizmodo lançou o artigo com as fotografias do iPhone.

Estou de consciência limpa sobre este assunto mas raramente falo dele, a vergonha já passou e superei tudo aquilo que passei, a vida é demasiado curta para carregar a culpa que eu mesmo estava a colocar em cima de mim. Existe muito mais nesta história mas vou ser detalhado nas minhas respostas.

As respostas de Brian encontram-se na página do Reddit no post original.

 

Deixar uma opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s